Corolla Cross é nova aposta da Toyota para o mercado de SUVs

Saiba os detalhes do carro que chegou ao mercado brasileiro em 2021, enfrentando o Compass como maior concorrente

Em 2021, a Toyota apostou em um grande lançamento para a marca: o Toyota Corolla Cross. Trata-se de um SUV que tomou como base para seu desenvolvimento o sedã mais vendido da marca, o já conhecido Corolla. 

Para entender a proposta, o veículo enfrentará como concorrentes o Jeep Compass, que domina o setor, o Hyundai IX35 e, em breve, o VW Taos. Em outras palavras, foi necessário muito investimento e estudo para entrar em um segmento tão competitivo, que atende um público crescente no Brasil e no mundo.

Em prol de encarar os fortes oponentes, o Corolla Cross contará com muita tecnologia e a opção de sistema híbrido, que pode atrair muitos consumidores. A sua fabricação ocorre em Sorocaba, no interior de São Paulo, deixando o modelo livre de cotas de importação – mais um atrativo para o cliente brasileiro. 

Quanto ao design, a novidade possui configuração moderna, com traços bem pronunciados. Na frente, o destaque é a grade do motor e os faróis horizontalmente compridos. As lanternas também definem com elegância o visual traseiro. 

Sobre essas luzes, a versão de entrada tem faróis de halogéneo, enquanto as outras possuem faróis de LED, sendo que o modelo híbrido conta com acabamentos em tom azul. 

Já o caráter robusto do veículo urbano, misturado com elegância, está presente nos grandes vincos do para-choque, além de alguns relevos marcados na carroceria lateral.

Ao falarmos do interior, existe muita tecnologia. Os traços gerais lembram o sedã, porém mais elegantes e sofisticados. O veículo possui alerta de desvio de faixa, monitor de tráfego cruzado, câmera 360º, frenagem automática e controlador automático de velocidade de cruzeiro adaptativo. Há duas variações de motor, um 2.0 flex de 177 cv e um 1.0 híbrido flex de 122 cv.

De fato, a Toyota não mediu esforços quanto ao Corolla Cross e, inclusive, voltou parte da linha de produção de outros veículos para o novo carro. O modelo Etios, por exemplo, já não vinha trazendo tantos resultados e, então, teve sua fabricação para o mercado brasileiro interrompida, considerando que o foco virou o lançamento do SUV. 

Leia Mais
Volkswagen anuncia o lançamento da Kombi elétrica com sistema autônomo